Home / Terapias / Iridologia

Iridologia

IRIDOLOGIA

olho 1A Iridologia é uma ciência que estuda a saúde do corpo humano através da íris. Podemos identificar e localizar as enfermidades e doenças e também nos mostra os padrões genéticos e inclusive nossas tendências psicológicas. A íris é, portanto uma fonte de informações reveladas através de seus sinais, formas e cores.

A Iridologia é uma ciência que por meio  da qual o Iridólogo se utiliza das marcas ou sinais da íris do olho, para analisar as condições que refletem os órgãos corporais.

Em outras palavras, é uma ciência que determina as etapas agudas, subagudas, crônicas e destrutivas nos órgãos enfermos, mediante os exames das áreas correspondentes que existem na íris, onde podemos observar os depósitos de toxinas, as debilidades  inerentes e os hábitos de vida do paciente.

olho 2A Iridologia revela características inerentes dos tecidos de um órgão, pode mostrar a melhora gradativa nas fibras mostradas numa lacuna por exemplo, resultantes dos medicamentos ministrados adequadamente para cada caso.

Quando estudamos a Iridologia aprendemos que é uma ciência de simbolismo pois todo o circuito que compõem o terreno biológico refletem nas fibras da íris, quando acontece qualquer alteração em qualquer órgão do corpo, imediatamente se manifesta na íris e se expressam de diversas formas simbólicas. É claro que não vemos o órgão que esta com problemas mas imediatamente aparece uma alteração na zona correspondente ao órgão.

Um exemplo típico é quando alguma coisa não está bem internamente no corpo,  febre é um estado reflexo, indicando uma reação do corpo, sendo uma possível infecção em algum órgão do corpo. Um eczema ou qualquer erupção na pele, também podem indicar algum estado anormal no corpo.

As manchas hepáticas aparecem nos estados de desajustes internos. Toda dor que acusa um mal funcionamento é um sinal de alguma disfunção interna. Diz-se que o olho é o espelho da alma porque revela os diferentes estados mentais e físicos do corpo.

É muito usado pelos médicos os termos midríase e mióse que significam dilatação e contração da pupila por diversos problemas, um deles um delírio febril.

olho 4Através da íris se pode determinar o estado do fígado, não porque vemos o órgão mas os sinais que estão se mostrando no olho. Os pensamentos e as emoções influenciam no corpo e seus efeitos também podem refletir nas fibras da íris.

Podemos diagnosticar o grau de inflamação, se está agudo, crônico ou já avançando para uma destruição, pelas tonalidades do olho, que variam do branco brilhante, cinza claro, cinza escuro até o preto. Nenhuma outra ciência pode indicar com tanta exatidão o progresso de uma enfermidade.

olho 3
Na íris não é revelado, por exemplo, se uma pessoa tem diabetes, mas sim que há uma deficiência no pâncreas, podendo ser uma hipoglicemia (falta de açúcar no sangue) ou Hiperglicemia (excesso de açúcar – diabetes), sendo um o inverso do outro. É possível saber se a doença está em estado agudo ou crônico, qual a emoção envolvida e em muitas vezes se pode identificar carência de nutrientes. É possível identificar se a constituição física é boa ou ruim, fragilizada, as tendências, hereditariedade, podemos ver como está o sistema imunológico, se o sangue está limpo ou intoxicado, etc.

Enfim, através da íris podemos extrair um laudo completo de todo o organismo, dividindo todo o corpo biológico em 15 vetores, desde o sistema nervoso autônomo até as pequenas estruturas. É possível também saber quais os orgãos de choque, com probabilidades a doenças e os níveis de minerais e vitaminas no corpo onde sua falta ou excesso podem causar grandes distúrbios no organismo, trata-se de um tratamento preventivo com produtos totalmente naturais.