Home / Artigos / Homosexualismo(Doença ou Tendência)

Homosexualismo(Doença ou Tendência)

Por Ricardo Faerman QUANDO ENCARNAMOS DE VOLTA A ESTE PLANETA, ENTRAMOS AUTOMATICAMENTE DENTRO DE UMA CULTURA SOCIAL, POLÍTICA, RELIGIOSA E FAMILIAR, QUE OBRIGATORIAMENTE NOS LEVA A PARTIR DAÍ, A PENSAR, AGIR, VIVENCIAR E ATUAR NA MAIORIA DAS VEZES, DENTRO DE UM PADRÃO DE COMPORTAMENTO QUE NÃO NOS É CONFORTÁVEL.
Por Ricardo Faerman
QUANDO ENCARNAMOS DE VOLTA A ESTE PLANETA, ENTRAMOS AUTOMATICAMENTE DENTRO DE UMA CULTURA SOCIAL, POLÍTICA, RELIGIOSA E FAMILIAR, QUE OBRIGATORIAMENTE NOS LEVA A PARTIR DAÍ, A PENSAR, AGIR, VIVENCIAR E ATUAR NA MAIORIA DAS VEZES, DENTRO DE UM PADRÃO DE COMPORTAMENTO QUE NÃO NOS É CONFORTÁVEL.

Quando encarnamos de volta a este planeta, entramos automaticamente dentro de uma cultura social, política, religiosa e familiar, que obrigatoriamente nos leva a partir daí, a pensar, agir, vivenciar e atuar na maioria das vezes, dentro de um padrão de comportamento que não nos é confortável, após passarmos toda uma trajetória da infância, adolescência e muitas vezes parte da vida adulta agindo como verdadeiros papagaios, muitas pessoas acabam deprimidas por serem reprimidas.

 
Aprendemos que homem veste roupas que são projetadas para homens, que mulheres tem suas vestes projetadas para elas, aprendemos que homem tem atração por mulher e vice-versa, que homem e mulher se namoram, se casam e tem filhos, constituem uma família e este é o “padrão.” que a sociedade implanta.
 
Mas acontece que algumas pessoas se contrapõem a estes padrões, tem sentimento e comportamento diferentes das demais pessoas e se sentem atraídos pelo mesmo sexo, porque?
 
Para explicar melhor, trago aqui um caso de uma mãe que veio ao meu consultório, deprimida, triste, amargurada porque sua única filha mostrava uma certa ambivalência sexual.
 
Ela já havia sido tratada por Psicólogo e Psiquiatra (+ ou – 6 anos de tratamento), mas a única conclusão que haviam chegado, é que a falta do pai (separado)havia causado este distúrbio psicológico e também uma leve alteração hormonal.
 
Bom! Solicitei a presença da filha que a escutei durante uma hora e meia, esta me relatou que desde pequena já tinha um sentimento estranho quando na presença de amiguinhas e portanto nesta época o pai ainda não havia saído de casa, solicitei uma regressão.
 
Como já não era surpresa para mim,durante a regressão, ela vivenciou 4 vidas seguidas como homem e em todas, constituiu família e foi muito feliz, dedicado e fiel.
 
O homosexualismo é na verdade uma tendência devido as repetidas vidas vivendo como homem, pensem comigo, ela que é um espírito viveu em corpo de homem durante quatro vidas seguidas, pensava como homem, sentia atração por mulheres, cuidava-se como um homem, agia como tal e nesta vida, está num corpo de mulher, mas as tendências, o comportamento, a personalidade e suas características são as mesmas, apesar do corpo ser de mulher ela continua sentindo atração por mulher, cuidando-se como homem, pensa como homem, até se readaptar novamente.
 
Imaginem uma pessoa que em outras vidas possuía o vício do álcool, qual a tendência quando reencarnar aqui? Trará consigo o mesmo vício.
 
Uma pessoa que muitas vidas atrás possuía um instinto assassino, trás consigo a mesma tendência,etc.
 
Depois de 4 regressões intercaladas de conversas dentro dos padrões da Psicoterapia Reencarnacionista para conscientização, durante seis meses e mais os florais, ela foi se readaptando , isto é, passou a ter atração pelo sexo oposto, (por opção dela mesma), o importante é sair do conflito, assumir ou readaptar, porque o mais importante é ser feliz.
 
E a mãe entendendo isso, passou a ajudar e muito a filha neste estado de transição e readaptação.
 
Nós estamos aqui na Terra, para evoluirmos espiritualmente, e isso é uma coisa gradativa, e não é facil. O fato de ser homo ou heterossexual é algo da própria pessoa, uma opção, ou algo que já vem no seu Espírito.
 
 Não precisamos ter pressa para nada. Seja o que quer ser, se alguém quer continuar sendo homossexual tudo bem, não tem problema, não é pecado, nem faz mal. Se quer ser heterossexual, faça essa mudança.
 
Mas deve fazer o que for auxiliar o seu Espirito a evoluir, a crescer, a libertar-se das amarras desse planeta, des/envolva-se das coisas daqui, sexo é só aqui, sexualidade também, homo ou heterossexualidade são coisas nossas. Se a homossexualidade incomoda, liberte-se dela; se não incomoda, continue.
 
Eu penso que o natural é ser homem e mulher, como Deus nos fez, mas acima de qualquer opção, somos todos Espiritos, irmãos, e chegaremos um dia ao mesmo lugar. Principalmente, SEJA FELIZ e tenha bondade com todas as pessoas!
 

About Ricardo Faerman

Psicoterapeuta Biointegrativo